THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES

sábado, 23 de maio de 2009

Aqui...



Aqui,
No meu botão de rosa
Onde meus dedos
Escorregam devagar,
Suavemente,
Sentindo a humidade
Do meu corpo
Vertendo nas minhas coxas
Quentes,
Abertas em desalinho,
Desconcertadas
Pelos movimentos subtis
Da imaginação…

Aqui,
Onde me palpita o sangue
E me arde a boca
Que geme por tua presença
Nos confins da lembrança,
Deslizam com prazer
Os dedos,
Finos, seguros,
Finos, seguros,
Num prazer carnal,
Intimo,
Meu…

Aqui,
Onde a volúpia
Se transforma em deleite,
Onde a carne te pede
Que ocupes meu espaço...

Solto-me em espasmos,
Liberto o grito,

E o encontro acontece…



9 silêncios:

Cadinho RoCo disse...

E quando acontece o encontro...!
Cadinho RoCo

Bruxinhachellot disse...

Uma volúpia poética. Excelente poesia.

Beijos doces de seu sabor preferido.

Daniel Aladiah disse...

Querida Lua
Não sei se de agora, se de há muito... :)
Como sempre... hot.
Um beijo
Daniel

Nilson Barcelli disse...

Tudo muito erótico, sem dúvida.
E sem cair no exagero vulgar.
Boa sorte para este teu novo blogue.
Abraço.

Ricardo Rayol disse...

A umidade sacia a sede

Jorge Oliveira disse...

A febre intensa das tuas palavras criada entre convulsões da alma contagia ardentemente o meu corpo e sem pedir licença masturba o meu silêncio...

Inominável Ser disse...

E o encontro segue
rumo ao oeste
dos leitos postos
nas sugantes posses
que fazem do corpo
um templo das orgiáticas
sortes


Saudações Inomináveis, Lua Erótica.

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

๏̯͡๏

.....oooO.............
....(....)....Oooo....
.....)../. ...(....)..
.....(_/.......)../...
.............. (_/....
... PASSEI POR .......
.......... AQUI ......
......................

Anónimo disse...

Gostei muito!

Beta