THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Faz-me tua


Assim m'entrego à dor

que advém desse prazer que me dás

só com um toque,

ligeiro, suave,

ao que imploro por mais...


Tens-me nua,

e sou tua,

eternamente tua,

em gemidos sucessivos de prazer.


Faz-me tua,

uma e outra vez,

assim nua,

de alma orgástica,

tua,

tua...


1 silêncios:

Jorge Oliveira disse...

despes-me os sentidos és tua e da lua... assim nua... não és minha, sou apenas o leve sentido a quem tu te fazes tua, tão nua, tão tua...